Minas Gerais – A análise de projetos do Executivo e o debate de temas importantes como a defesa dos direitos da mulher devem movimentar a pauta da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) com a retomada dos trabalhos legislativos, que aconteceu neste dia 01 de agosto.

“Vamos manter nosso esforço de promover o diálogo entre todos os parlamentares e os outros poderes, buscando sempre as melhores soluções para o Estado”, afirma o presidente do Parlamento mineiro.

O segundo semestre também reabre com uma alteração na estrutura da Assembleia. A Casa passa a contar com uma nova comissão permanente: a Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher, que funcionou como extraordinária desde julho de 2017.

COMENTE NO FACEBOOK