O Prefeito Fued Dib autorizou na última quarta-feira (20), a formação do grupo de trabalho para enfrentamento e combate ao Aedes aegypti, mosquito responsável pela transmissão de doenças bastante conhecidas, como a dengue, chikungunya, zika e febre amarela.

“Estivemos reunidos nos últimos dias com o pessoal da Secretaria Municipal de Saúde e do Departamento de Zoonoses, avaliando e discutindo ações que possam ser desenvolvidas em nossa cidade. Agora, com a possibilidade de formação de um grupo formado por representantes dos diversos segmentos da sociedade, acredito que estamos alcançando um patamar mais elevado nesta luta para conter a proliferação do mosquito”, destacou Fued.

Habitualmente e por dever de ofício, agentes de combate a endemias, do Centro de Controle de Zoonoses, CCZ, realizam mensalmente visitas de inspeção nos imóveis urbanos habitados.

O grupo de trabalho terá o envolvimento direto das secretarias de Saúde; Desenvolvimento Social; Meio Ambiente; Obras e de Educação, Esporte e Lazer. “Todo o esforço e participação colaborativa será bem aceita”, disse secretário Renato Moura, que sugeriu ainda a utilização de equipamento moderno como o drone, para descobrir pontos onde possam existir focos.

Segundo o secretário de Obras, Vicente de Paula Fontoura Filho, é necessário que sejam derrubadas algumas barreiras que impedem as equipes responsáveis de acessar e fazer limpeza em alguns imóveis. “Precisamos de ações efetivas. A informação sem ação e participação colaborativa não adianta muito. Estamos dispostos a ajudar a intensificar essa luta”, disse Fontoura.

COMENTE NO FACEBOOK