O período de férias escolares e as altas temperaturas registradas em janeiro podem fazer com que a conta de energia fique mais elevada do que o costume. Seja pelo fato de que as pessoas fiquem mais tempo em casa ou pelo uso de aparelhos eletrônicos utilizados para climatizar o ambiente. Por isso, a Cemig orienta os consumidores sobre o que fazer para não ter surpresas em relação a conta de energia, com mudanças simples que podem fazer a diferença e evitar sustos na hora do pagamento.

Veja as dicas elaboradas pelo gerente de Eficiência Energética da Cemig:

Equipamentos devem ter o Selo Procel e a Etiqueta “A” do Inmetro

Ao adquirir um equipamento, o cliente deve dar preferência àqueles com selo Procel ou com a etiqueta do Inmetro com a letra “A” – considerados mais eficientes.

Controle o tempo de banho

É importante estar atento, ainda, ao aumento do número de pessoas em casa, que é característico do período de férias. Com mais pessoas em casa, também sobe a quantidade de banhos e de uso do chuveiro, que é o equipamento que mais consome energia em uma residência.

Retire os aparelhos das tomadas

Neste período do ano, é comum as famílias fazerem viagens por longos períodos. No caso dos aparelhos elétricos é preciso ter uma atenção especial.

Cuidados com a geladeira

A geladeira é o segundo equipamento que mais consome energia em uma residência, em virtude do abre e fecha ao longo do dia. 

Programe a televisão

Para evitar o desperdício de energia, a dica é utilizar o temporizador para desligamento automático disponível na grande maioria dos televisores.

Desligue o computador

O computador também deve receber atenção. Nas pequenas pausas, desligar o monitor conta e muito na hora de economizar energia. Ele é responsável por até 70% do consumo desse equipamento.

Ar condicionado e ventiladores

O ar condicionado é um dos equipamentos mais utilizados para amenizar as altas temperaturas. E atenção: estes aparelhos tem potência elevada mesmo nas versões mais modernas e eficientes. 

O ventilador é outro equipamento para amenizar o calor intenso, mas, apesar de ter menor potência que o ar condicionado, também deve ser usado com prudência.

478211219
COMENTE NO FACEBOOK