O Colmeia – Coletivo Local do Meio Ambiente de Capinópolis, formado para gerir e acompanhar o andamento das ações do Pró-Mananciais, criado pela Copasa – MG, que aplica, de acordo com a legislação, 0,5% de seu faturamento bruto na conservação ambiental, se reuniu no último dia 19, na sede da Secretaria de Agricultura, com a finalidade de discutir novas ações ambientais em Capinópolis para o ano de 2019.

“Nesta reunião nós discutimos ações, traçamos novos passos para dar continuidade ao trabalho desenvolvido no ano passado, visto que ainda há algumas pendências, como por exemplo, com referência ao cercamento de uma propriedade. Precisamos também definir um novo coordenador para o Colmeia, tendo em vista que nossa companheira Marcela Alves deixou a Secretaria de Agricultura do município para trabalhar na iniciativa privada e discutir outros assuntos”, disse o secretário executivo do Colmeia, Edivaldo Salgado Filho.

Logo na abertura da reunião todos deram as boas-vindas à nova integrante do Colmeia, Lívia Maria, representando a CRV Industrial.

“Nós estamos aqui para ser parceiros nesta belíssima ação que o Colmeia está fazendo no sentido de reflorestar as nascentes do córrego do Capim, de onde é captada a água servida à comunidade”, disse Lívia.

A eleição do novo coordenador do Colmeia, eng. agrº Francisco Júnior, se deu por aclamação, o qual se comprometeu todo empenho para que consiga realizar um trabalho tão importante quanto fez sua antecessora.

“É um desafio, mas como eu gosto de desafios, vamos trabalhar, todos juntos, nós na coordenação e os companheiros que, com certeza, estarão sempre ao nosso lado”, disse Francisco Júnior.

Presente na reunião, o prefeito Cleidimar Zanotto fez questão de levar o apoio e a parceria de toda a Administração Municipal a este trabalho.

COMENTE NO FACEBOOK